domingo, outubro 05, 2014

Britalar, uma vergonha

A empresa Britalar poderá ser penalizada por incumprimento contratual do plano estabelecido para a recuperação da parte destruída pelas enxurradas da Avenida Julius Nyerere, na cidade de Maputo, capital moçambicana. Segundo o director de Infra-estruturas do Conselho Municipal de Maputo, Victor Fonseca, citado pelo semanário “Domingo” a edilidade está a analisar os aspectos contratuais para uma eventual tomada de medida contra o empreiteiro.“A empresa Britalar poderá ser penalizada depois de esta se ter comprometido a reparar o pavimento da Avenida Julius Nyerere e ainda não o ter feito”, disse. Os trabalhos da empresa Britalar foram contestados por causa de fissuras que surgiram no pavimento da via, pelo facto de ter usado material com medições não recomendadas.A obra faz agora um ano e ainda não foi entregue.Por sua vez, a Britalar tem estado a realizar uma série de obras na cidade por conta de interessados, mas, neste momento, nenhum dos trabalhos diz respeito ao Conselho Municipal de Maputo.

0 comentários: