sexta-feira, setembro 05, 2014

As "armas" que podem levar Nyusi à vitória

O candidato presidencial da Frelimo, Filipe Nyusi, em campanha eleitoral na província nortenha de Cabo Delgado, diz que vai continuar a reforçar a unidade nacional através da formação de um governo inclusivo e transparente em Moçambique.Nyusi, que já escalou os distritos de Chiúre e Montepuez, também promete construir mais infra-estruturas escolares, hospitalares, assim como estradas, pontes e outras, tudo na busca de soluções para melhorar a vida das populações.Como exemplo, Nyusi citou a construção de uma ponte sobre o rio Licú, que vai possibilitar a travessia da população e bens, melhorando a vida das mais de 200 mil pessoas residentes naquela zona. Na sua mensagem, Nyusi é citado pelo jornal “O País” como tendo prometido aos jovens locais que vai reunir todas as condições necessárias para a atracção de investimentos, criação de emprego e expansão da habitação acessível.O candidato da Frelimo prometeu ainda que, em caso de vitória eleitoral, que o seu Governo vai expandir, entre outras realizações, as redes escolar e sanitária, construir estradas, alargar a rede eléctrica para vários bairros de Chiúre. Na ocasião, Nyusi explicou a criação de emprego para os jovens vai tomar como base a mecanização agrícola, numa terra que produz amendoim, milho, mandioca, entre outros produtos. Disse ainda que caso vença as eleições de Outubro próximo vai governar o país com transparência através de um governo inclusivo.“No meu governo vou com todos os moçambicanos, sejam de onde forem. Vou contar com todos independentemente da sua origem. Foi assim que aprendi na Frelimo. Todos somos moçambicanos”, explicou Nyusi.Garantiu aos presentes que no seu projecto de governação todos os moçambicanos têm lugar, tendo assegurado que vai trabalhar com mulheres, jovens, enfim com todas as camadas sociais, contando com a valiosa experiência dos combatentes da luta de libertação nacional.O candidato fez questão de sublinhar que o seu conceito de unidade nacional significa aproximar no máximo a justiça aos moçambicanos, trabalhar na base da lei para garantir protecção a todos.Chiúre registou um total de 129.629 potenciais eleitores, num círculo eleitoral com 22 de lugares na Assembleia da República. 

0 comentários: