quinta-feira, fevereiro 26, 2015

Fechadas 75 contas

O Instituto Nacional dos Transportes Terrestres (INATTER) de Moçambique acaba de cancelar 75 contas bancárias múltiplas, de um total de 81 que se encontravam em uso naquela instituição do Estado. As contas foram abertas à escala nacional e manuseavam valores provenientes da receita arrecadada pela instituição.O cancelamento das referidas contas surge após se ter constatado que a gestão e controlo das mesmas eram demasiado complexos. “Tivemos que tomar esta corajosa medida porque, como se pode constatar, torna-se praticamente impossível gerir e controlar 81 contas bancárias da mesma instituição. Da reflexão feita, concluímos que podemos funcionar com apenas seis contas bancárias e é assim que passará a ser”, disse fonte da direcção-geral do INATTER ao jornal “Noticias”.Para a concretização da medida, foram já cumpridas todas as formalidades junto dos bancos, decorrendo um trabalho junto do público e parceiros para acautelar eventuais compromissos ainda pendentes, através das referidas contas. Um anúncio nesse sentido deverá ser publicado nos próximos dias, para garantir abrangência e envolvimento de todos na gestão das referidas contas.Paralelamente a isso, com vista à melhor responsabilização e gestão eficiente do sistema informático da carta de condução, o INATTER acaba de reduzir de 222 para 59 funcionários com permissão para intervir e decidir no processo de emissão da carta de condução, à escala nacional. Segundo a fonte do jornal, a medida visa imprimir maior celeridade, facilitar e melhorar o controlo do sistema.À margem das restrições decretadas, decorre um trabalho de auditoria ao sistema, para apurar o actual grau e rigor de utilização, bem como prevenir eventuais actos que possam prejudicar a eficiência e celeridade da emissão da carta de condução. 

0 comentários: